domingo, 6 de setembro de 2009

Medo.

Na minha cabeça você não está lá.
Mas continuas no meu lugar, respirando o meu ar.
Não vou sair do meu lugar, já não aguento mais você me mudar.
Me tomar.
Não peço mais a você pra me esquecer,
pois assim conseguirei te entender.
Mas quem quer saber?
Sozinha me livrarei,
tirarei de dentro o que conquistei com você.




-




(Não tô sentindo nada disso. As palavras foram saindo... aah, chega de rimas!).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Youtube!

Loading...